BLOG DE NOTICIAS DE BRAS PIRES

Notícias e Assuntos de Interesse da Cidade

Últimas notícias de BRAS PIRES MG:

Goleiro do Bahia posta selfie na privada


Em Serro, Pimentel recebe apoio do PR e do DEM



ÔĽŅ Vera Fischer, Nicole Bahls e famosos v√£o √† festa no Rio Antônia Fontenelle e Glória Pires estavam entre os convidados da festa de aniversário ... [Indicadores Financeiros] Programa do governo de Aécio é investigado em MG, diz jornal Marina volta atrás por Malafaia, apontam críticas no Twitter Malafaia ...
No anivers√°rio da cidade, artistas analisam cultura em Uberl√Ęndia “A cidade respira dança e ao longo das últimas décadas tem se firmado como um dos locais que provoca influência na dança de todo o Brasil e do mundo ... Só Pra Contrariar, Alexandre Pires e outros. No campo da música erudita projetamos a pianista ...

Consiga um emprego AGORA MESMO em BRAS PIRES MG:

Empregos Manager Online
Refer√™ncia para o Brasil O evento reuniu estudantes e profissionais que manuseiam planetários em todo o Brasil, a exemplo das cidades de ... todos esses de Pernambuco, Ribeirão Pires-SP, Lavras e Belo Horizonte-MG, Porto Alegre e Pajé-RS, Rio de Janeiro, Natal-RN, Itajaí ...

Palmeiras perde para o Atl√©tico-MG na abertura das oitavas de final O traficante Rubens dos Santos Rocha, o “Rubinho”, 32 anos, envolvido em assassinatos na invasão Iolanda Pires, em São ... Jogo de volta entre Palmeiras e Atlético-MG pelas oitavas de final da Copa do Brasil 2014 A atriz Angelina Jolie e o ...
Obitu√°rio - 26 de agosto de 2014 Cemitério Cristo Redentor, Vila Pires. BRAZ DE ARAUJO PAULA, 86 ... NAIR SILVA DOS SANTOS, 76. Natural de Ponte Nova (MG). Dia 25. Cemitério Nossa Senhora do Carmo, Curuçá. OSÉAS PIRES DE OLIVEIRA, 73. Natural de Jacobina (BA). Dia 25.

Tempo e Temperatura:

No anivers√°rio da cidade, artistas analisam cultura em Uberl√Ęndia “A cidade respira dança e ao longo das últimas décadas tem se firmado como um dos locais que provoca influência na dança de todo o Brasil e do mundo ... Só Pra Contrariar, Alexandre Pires e outros. No campo da música erudita projetamos a pianista ...
Refer√™ncia para o Brasil O evento reuniu estudantes e profissionais que manuseiam planetários em todo o Brasil, a exemplo das cidades de ... todos esses de Pernambuco, Ribeirão Pires-SP, Lavras e Belo Horizonte-MG, Porto Alegre e Pajé-RS, Rio de Janeiro, Natal-RN, Itajaí ...
Jeff Campacci se apresenta esse final de semana em Minas Gerais Jeff Campacci e seu parceiro de apresentaçõ es e role, Rodrigão, vão se apresentar na cidade de Brás Pires, Minas Gerais, nos dias 23 e 24 de agosto... Jeff Campacci e seu parceiro de apresentaçõ es e role, Rodrigão, vão se apresentar na cidade de ...
Sonia Pinheiro Fashion (0) Sonia Pinheiro Fashion (0) Sonia Pinheiro Fashion (0) A mostra resulta do trabalho dos coletivos Associação Art D’Mio, de Brás Pires (MG), e Central Veredas, de Arinos (também nas Minas Gerais). Sobre Chiara: é a idealizadora do SP.Ecoera, evento anual que reúne grifes brasileiras com preocupação ...
Goleiro do Bahia posta selfie na privada Douglas Pires, goleiro reserva do Bahia ... Antes, no primeiro semestre, jogou o Campeonato Mineiro pelo Nacional de Nova Serrana-MG. O goleiro participou das seleções de base do Brasil e disputou os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara de 2011.
Em Serro, Pimentel recebe apoio do PR e do DEM Um dia depois de o PR liberar seus deputados para apoiar o candidato a governador pela coligação Minas Pra Você, Fernando Pimentel, do PT, ele recebe apoio do prefeito de Serro, Nondas Pires ... a nossa campanha aqui em Minas Gerais", disse.
Vera Fischer, Nicole Bahls e famosos v√£o √† festa no Rio Antônia Fontenelle e Glória Pires estavam entre os convidados da festa de aniversário ... [Indicadores Financeiros] Programa do governo de Aécio é investigado em MG, diz jornal Marina volta atrás por Malafaia, apontam críticas no Twitter Malafaia ...
No anivers√°rio da cidade, artistas analisam cultura em Uberl√Ęndia “A cidade respira dança e ao longo das últimas décadas tem se firmado como um dos locais que provoca influência na dança de todo o Brasil e do mundo ... Só Pra Contrariar, Alexandre Pires e outros. No campo da música erudita projetamos a pianista ...
300x250 Danilo Pires afirma que gol do Santa Rita no in√≠cio prejudicou planejamento do Santa Cruz O único gol do Santa Cruz no empate com o Santa Rita no Arruda saiu de uma jogada de Danilo Pires. Na raça, o jogador insistiu ... concentraçã o e maturidade para vencer a Chapecoense em BH ÔĽŅ
Atlético-MG tenta superar síndrome de 'Robin Hood' para chegar ao G-4 Levir Culpi vê potencial para Atlético-MG brigar pelo título brasileiro Atlético-MG encerra preparação em Curitiba com Marion e Pedro Botelho Impasse sobre tempo do novo contrato pode fazer Guilherme deixar Atlético Para voltar a vencer fora ...
De virada, Am√©rica-MG vence o Atl√©tico-MG e leva a Ta√ßa BH de Futebol J√ļnior O América-MG é o campeão da 30ª edição da Taça BH de Futebol Júnior. De virada, o Coelho, comandado pelo ex-goleiro Milagres, derrotou o Atlético-MG, por 3 a 2, na noite deste sábado, na Arena Independência, levando a competição pela segunda ...
Jogadores do Am√©rica-MG festejam t√≠tulo da Ta√ßa BH de Futebol J√ļnior Os jogadores do América-MG comemoram muito o título da Taça BH de Futebol Júnior, conquistado sobre o Atlético-MG, após uma vitória de 3 a 2, de virada, na noite de sábado, no estádio Independência (veja os gols da partida no vídeo ao lado).
300x250 Atl√©tico-MG tenta findar jejum de cinco partidas como visitante no Brasileir√£o O Atlético-MG disputou cinco partidas fora de seus domínios no Campeonato Brasileiro desde o último resultado positivo nestas condições. Neste domingo, às 16h, no Couto Pereira, pela 18ª rodada, os comandados de Levir Culpi podem encerrar o jejum ...
Am√©rica-MG empata com Sampaio Corr√™a e fica no G4 O América-MG conseguiu segurar a pressão do Sampaio Corrêa e terminar o primeiro turno no G4, a zona de acesso, da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira, pela 19.ª rodada, o time mineiro tomou duas bolas na trave e empatou sem gols, no ...
Atl√©tico-MG renova com Pierre e tenta acordo para manter Guilherme Além do trabalho constante para reforçar a equipe, o Atlético-MG tem se esforçado para não perder jogadores. A diretoria do clube acertou a renovação de contrato do volante Pierre, que agora vai até o fim de 2015. O vínculo anterior do atleta ...
Am√©rica-MG empata com Sampaio Corr√™a e dorme l√≠der da S√©rie B Resultado na 19ª rodada leva clube aos 33 pontos, soma que pode ser superada por Vasco e Ceará, que ainda não jogaram O América-MG conseguiu segurar a pressão do Sampaio Corrêa e terminar o primeiro turno na liderança do G-4, a zona de acesso ...

BRAS PIRES MG tspan:3m BRAS PIRES MG
Selecionamos as principais not√≠cias da cidade de BRAS PIRES MG. Os acontecimentos pol√≠ticos, acidentes de tr√Ęnsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos tamb√©m os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura.

O trabalho jornal√≠stico consiste em capta√ß√£o e tratamento escrito, oral, visual ou gr√°fico, da informa√ß√£o em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho √© normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas fun√ß√Ķes e particularidades: pauta, apura√ß√£o, reda√ß√£o e edi√ß√£o.A pauta √© a sele√ß√£o dos assuntos que ser√£o abordados. √Č a etapa de escolha sobre quais ind√≠cios ou sugest√Ķes devem ser considerados para a publica√ß√£o final. A apura√ß√£o √© o processo de averiguar informa√ß√£o em estado bruto (dados, nomes, n√ļmeros etc.). A apura√ß√£o √© feita com documentos e pessoas que fornecem informa√ß√Ķes, chamadas de fontes. A intera√ß√£o de jornalistas com suas fontes envolve freq√ľentemente quest√Ķes de confidencialidade.A reda√ß√£o √© o tratamento das informa√ß√Ķes apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no r√°dio, na TV e no cinema). A edi√ß√£o √© a finaliza√ß√£o do material redigido em produto de comunica√ß√£o, hierarquizando e coordenando o conte√ļdo de informa√ß√Ķes na forma final em que ser√° apresentado. Muitas vezes, √© a edi√ß√£o que confere sentido geral √†s informa√ß√Ķes coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edi√ß√£o consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espa√ßo de impress√£o pr√©-definido. A diagrama√ß√£o √© a disposi√ß√£o gr√°fica do conte√ļdo e faz parte da edi√ß√£o de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locu√ß√£o, o que no telejornalismo ganha o adicional da edi√ß√£o de imagens em movimento.

Tags: √öltimas Not√≠cias, BRAS PIRES MG, Cidade, Interior, Segunda, Ter√ßa, Quarta, Quinta, Sexta, S√°bado, Domingo, Carro, Elei√ß√Ķes, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Elei√ß√Ķes, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Anivers√°rio, Pr√™mio, M√™s, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora h√° Pouco, Mulher, Homem, Fam√≠lia, Crian√ßa, Portal,Pessoas, Como saber, Onde eu Acho, Site, Blog, Di√°rio,Protesto,Inaugura√ß√£o, Cassa√ß√£o, Cassado, Show, Apresenta√ß√£o, Espet√°culo, Fotos, V√≠deos, Imagens, Previs√£o, Caminh√£o, V√≠timas, Situa√ß√£o, Oposi√ß√£o, Elei√ß√Ķes, Enquete, Votos, Apura√ß√£o, Tr√Ęnsito, Opera√ß√£o, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos.

Cuidados na hora de deixar o cabelo liso!!!!!

 
Risco de alisantes clandestinos √† sa√ļde
Aos desavisados freq√ľentadores de sal√Ķes de beleza, o que pode parecer uma solu√ß√£o milagrosa para p√īr fim aos cabelos crespos, para a sa√ļde √© uma grande amea√ßa. Em rela√ß√£o √†s den√ļncias envolvendo os riscos de alisantes clandestinos, produzidos a partir de concentra√ß√Ķes elevadas de formol, principalmente no Rio de Janeiro, a Anvisa alerta sobre a necessidade de o consumidor tomar alguns cuidados b√°sicos na escolha e uso desses produtos, considerados de risco potencial, por conter subst√Ęncias t√≥xicas que exigem controle rigoroso.
 

Telma Piacesi, t√©cnica da Vigil√Ęncia Sanit√°ria do Rio de Janeiro, a partir das amostras recolhidas e analisadas, atestou que os alisantes s√£o mesmo caseiros, n√£o sendo fabricados por nenhum laborat√≥rio. "Confirmamos que nos pr√≥prios sal√Ķes as pessoas estavam misturando formol, queratina e cremes e aplicando nas clientes", afirma.

Em primeiro lugar, o usu√°rio deve verificar se o produto √© registrado na Anvisa/Minist√©rio da Sa√ļde, como determina a¬†Lei 6.360/76. Para a obten√ß√£o do registro, o respons√°vel deve apresentar √† Anvisa uma s√©rie de documentos e comunica√ß√Ķes t√©cnicas referentes √† composi√ß√£o, para astranquilar a tranquilan√ßa e a efic√°cia, de acordo com a finalidade pretendida. As comunica√ß√Ķes s√£o ent√£o analisadas pela Ger√™ncia-Geral de Cosm√©ticos da Anvisa, com base em regulamenta√ß√£o espec√≠fica. Outro ponto relevante diz respeito √† formula√ß√£o do produto, que somente ser√° registrado caso atenda √†s exig√™ncias estabelecidas na legisla√ß√£o sanit√°ria, sendo que o seu uso correto, em geral, n√£o implica em danos para a sa√ļde.

A gerente-geral de Cosm√©ticos da Anvisa, Josineire Sallum, esclarece: "quando o produto n√£o est√° registrado, sua composi√ß√£o n√£o foi avaliada e o produto pode conter subst√Ęncias proibidas ou de uso restrito, em condi√ß√Ķes e concentra√ß√Ķes inadequadas ou n√£o permitidas acarretando riscos √† sa√ļde da popula√ß√£o. Nesse caso, o consumidor n√£o deve utilizar o produto e deve acionar o √≥rg√£o de Vigil√Ęncia Sanit√°ria de sua localidade".

Quanto √† incid√™ncia da subst√Ęncia formalde√≠do em cosm√©ticos, a legisla√ß√£o permite sua utiliza√ß√£o apenas como conservante ou endurecedor de unhas e prote√ß√£o de cut√≠culas, em condi√ß√Ķes espec√≠ficas a partir de concentra√ß√Ķes baix√≠ssimas e contendo as devidas advert√™ncias na rotulagem nos produtos.

A utiliza√ß√£o indevida do formol na composi√ß√£o de alisantes, conforme foi detectado pela Vigil√Ęncia Municipal do Rio de Janeiro nas f√≥rmulas apreendidas e de acordo com a literatura t√©cnico-cient√≠fica atual, representa s√©rios riscos. Os vapores dessa subst√Ęncia s√£o altamente agressivos √†s mucosas, olhos e aparelho respirat√≥rio, podendo provocar asma. Al√©m de irrita√ß√£o e dermatites, o uso t√≥pico - em solu√ß√Ķes concentradas - causa branqueamento e endurecimento da pele, originando rea√ß√Ķes de sensibiliza√ß√£o, aumento de rigidez e perda de sensibilidade no local exposto ao contato da f√≥rmula clandestina.

[3]


Nunca √© demais relembrar alguns conselhos √ļteis para n√£o se cair em golpes. A Pol√≠cia Militar de Minas catalogou alguns desses conselhos:

Golpes Diversos
  • N√£o compre tapetes havidos como de proced√™ncia estrangeira de "turistas" desconhecidos em aperturas financeiras... √Č o conto do Magliari; s√£o produtos nacionais de baixa qualidade, desprovidos de etiquetas, negociados como falso contrabando, por pre√ßos v√°rias vezes superiores ao real;
  • Cuidado com benzedeiras, rezas, e despachos. Denuncie os exploradores da credulidade p√ļblica e jamais permita que um deles entre em sua casa;
  • N√£o acredite em "honrosas ofertas" de compra de lotes de terreno por telefone. H√° malandros que vivem √† custa do chamado trabalho de macaco, ou seja, conversa fiada pelo telefone para impingir terrenos "frios" aqueles que cr√™em estar falando com pessoas de proje√ß√£o;
  • Reserve seus donativos para entidades id√īneas credenciadas pelo Servi√ßo Social do Estado e Servi√ßo de Fiscaliza√ß√£o das Associa√ß√Ķes de Caridade. N√£o confie na conversa de angariadores que n√£o exibam credenciais leg√≠timas;
  • N√£o acredite em "Revela√ß√Ķes" e Profecias feitas por ciganas que apare√ßam em sua casa. Elas s√≥ desejam se apropriar de seus valores. Chame a pol√≠cia;
  • U√≠sque falsificado √© antes de tudo um produto nocivo a sua sa√ļde. Acautele-se contra os espertalh√Ķes que vendem gato por lebre;
  • Quando estiver transportando valores n√£o se deixe distrair por qualquer motivo. Cuidado com os descuidistas que vigiam e que querem furt√°-lo;
  • N√£o d√™ esmolas pelo telefone ou pelo correio. No geral quem solicita dessa forma n√£o tem coragem de faz√™-lo pessoalmente. √Č vigarice.
  • Ao vender qualquer de seus bens, n√£o se impressione com o alto pre√ßo ofertado, investigue antes a idoneidade do comprador;
  • N√£o se deixe levar pelas promessas de curandeiros e charlat√Ķes que falam em curas milagrosas. Eles s√≥ querem apropriar-se de seu dinheiro em preju√≠zo de sua sa√ļde;
  • Desconfie sempre do fiscal rigoroso que rapidamente se prontifica a quebrar o galho mediante propina - √© um malandro. Chame o policial mais pr√≥ximo;
  • N√£o confie a guarda ou o transporte de valores a menores ou pessoas inexperientes. Se for obrigado a faz√™-lo, alerte-os contra a a√ß√£o dos vigaristas que agem nos centros banc√°rios;
  • Ao fazer neg√≥cios com desconhecidos n√£o se deixe embair por refer√™ncias favor√°veis colhidas em fontes igualmente desconhecidas. Procure confirmar as informa√ß√Ķes recebidas com pessoas de sua confian√ßa;
  • Ao investir suas economias em um cons√≥rcio, n√£o acredite em todas as promessas do vendedor e leia com aten√ß√£o o contrato que vai assinar para n√£o se arrepender mais tarde;
  • Pessoa simpl√≥ria que o aborda na rua com um bilhete premiado para receber √© um malandro que deseja les√°-lo. Chame o policial mais pr√≥ximo;
  • Se voc√™ for interpelado por algu√©m que se diz policial, exija a exibi√ß√£o de sua c√©dula de identidade funcional. √Č um direito seu e sua garantia;
  • Cheque visado dado em pagamento por desconhecidos, fora do expediente banc√°rio, deve ser confirmado pelo banco sacado antes de ser aceito como dinheiro em esp√©cie;
  • A Casa da Moeda n√£o tem filial. N√£o acredite em m√©todos especiais de reproduzir dinheiro verdadeiro. √Č o conto da guitarra, chame a pol√≠cia;
  • Ag√™ncias de emprego que cobram taxas antecipadas, a pretexto de conseguir coloca√ß√Ķes, n√£o passam de arapucas disfar√ßadas. Denunciem-nas.
  • Desconfie sempre do providencial mec√Ęnico que aparece quando seu carro engui√ßa na rua sem motivo aparente. √Č o conto do mergulho;
  • Seu carn√™ foi premiado? Parab√©ns! Todavia n√£o pague nada a ningu√©m at√© certificar-se sobre o resultado do sorteio;
  • A ambi√ß√£o desmedida do lucro f√°cil favorece o engodo preparado pelos vigaristas. N√£o se deixe levar por ofertas fabulosas e neg√≥cios da China;
  • Ao ser procurado por um desconhecido que lhe d√° uma not√≠cia tr√°gica, n√£o se precipite. Procure antes a confirma√ß√£o e n√£o lhe entregue dinheiro;
  • N√£o confie sua carga a carreteiros desconhecidos, portadores de documenta√ß√£o duvidosa. O frete poder√° custar mais caro do que voc√™ pensa;
  • Neg√≥cios muito vantajosos que surgem da noite para o dia geralmente dissimulam um bem engendrado conto do vig√°rio. Tenha cuidado!
[4]

Comer bem durante a gravidez vai influenciar durante toda a vida do bebê

Alimenta√ß√£o deve ser equilibrada durante a gravidezA alimenta√ß√£o equilibrada √© um h√°bito recomendado para toda a vida. Durante a gesta√ß√£o, a responsabilidade quanto √† alimenta√ß√£o aumenta, uma vez que implica diretamente no perfeito desenvolvimento do feto. As nutricionistas da Coordena√ß√£o T√©cnica de Nutri√ß√£o do Instituto Nacional de Sa√ļde da Mulher, da Crian√ßa e do Adolescente, Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz) Daniele Marano, Marcela Knibel e Roseli Costa, explicam como o consumo dos alimentos saud√°veis durante a gravidez influencia a sa√ļde dos beb√™s.

Qual a import√Ęncia de uma boa alimenta√ß√£o na gravidez?

A alimentação adequada ao longo do período gestacional exerce papel determinante sobre os desfechos relacionados à mãe e ao bebê. Contribui para prevenção de uma série de ocorrências negativas, assegura reservas biológicas necessárias ao parto e pós-parto, garante substrato para o período da lactação, como também favorece o ganho de peso adequado de acordo com o estado nutricional pré-gestacional. Ressalta-se que a inadequação do ganho de peso durante a gestação tem sido apontada como fator de risco tanto para a mãe quanto para a criança, contribuindo para a elevação da prevalência de uma série de problemas.

O que n√£o pode faltar no prato?

As refei√ß√Ķes devem contemplar todos os grupos alimentares existentes. A gestante dever√° ingerir vegetais (folhosos e legumes), frutas, carne bovina, frango, f√≠gado (uma vez por semana), ovos e peixes (sardinha, salm√£o, atum, pescada, cavalinha), leguminosas (feij√£o, gr√£o de bico, lentilha, ervilha), cereais (arroz integral, batata, milho, entre outros), azeites (de prefer√™ncia extra virgem), leite e derivados do leite (fora do hor√°rio do almo√ßo e jantar).

As carnes dever√£o ser assadas, grelhadas, ensopadas ou cozidas, evitando as frituras. Recomenda-se n√£o ingerir gordura vegetal hidrogenada, que pode comprometer o crescimento e o desenvolvimento fetal.

Como devem ser distribu√≠das as refei√ß√Ķes ao longo dos dias?

As refei√ß√Ķes devem ser distribu√≠das em seis vezes ao dia: desjejum, cola√ß√£o, almo√ßo, lanche, jantar e ceia. Os intervalos em m√©dia s√£o de tr√™s horas entre uma e outra refei√ß√£o.

Há uma estimativa de quantos quilos a mulher deve engordar durante a gestação?  

O ganho de peso na gesta√ß√£o deve ser suficiente para promover o desenvolvimento fetal completo e tamb√©m para armazenar nutrientes adequados no organismo materno para o aleitamento. Nenhuma mulher deve perder peso durante a gravidez, independente do seu √ćndice de Massa Corporal (IMC) antes de engravidar. O Institute of Medicine (IOM) recomenda as faixas de ganho de peso ideal durante a gesta√ß√£o.

No caso de gesta√ß√£o de feto √ļnico, o ganho de peso (Kg) recomendado √©:

- Gestantes com baixo peso pré-gestacional: 15,0kg (média); - Gestantes com peso adequado pré-gestacional (eutróficas): 12,5Kg (média); - Gestantes com sobrepeso pré-gestacional: 9,0Kg (média); - Gestantes com obesidade pré-gestacional: 7,0Kg (média).

No caso de gesta√ß√£o m√ļltipla (dois ou mais fetos), o ganho de peso tamb√©m depender√° do estado nutricional pr√©-gestacional, podendo variar de 11,0 Kg (obesidade pr√©-gestacional) a 27,9 Kg (baixo peso pr√©-gestacional).

A gestante dever√° ter acompanhamento nutricional no pr√©-natal, para avalia√ß√£o do estado nutricional, detec√ß√£o de poss√≠veis inadequa√ß√Ķes diet√©ticas, desmistifica√ß√£o de mitos e realiza√ß√£o da educa√ß√£o alimentar e nutricional. As consultas devem ser iniciadas, preferencialmente, no primeiro trimestre da gesta√ß√£o.

Algumas mulheres, especialmente com gêmeos, perdem bastante peso durante e após a gestação por causa dos filhos. Nesses casos, é recomendada a utilização de suplementos nutricionais?

Tanto em mulheres com gesta√ß√£o de feto √ļnico quanto nas gravidezes gemelares pode ocorrer diminui√ß√£o de peso devido √†s adapta√ß√Ķes hormonais. A a√ß√£o do estrog√™nio pode causar n√°useas, v√īmitos e anorexia, principalmente, no primeiro trimestre. A perda de peso ap√≥s o parto ocorre, geralmente, em maior intensidade nos primeiros tr√™s meses e naquelas que amamentam exclusivamente. Os suplementos nutricionais s√£o recomendados nas situa√ß√Ķes em que a demanda nutricional n√£o √© atendida por meio da dieta.


Conceitos de Educação Ambiental

   
"Entendem-se por educa√ß√£o ambiental os processos por meio dos quais o indiv√≠duo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e compet√™ncias voltadas para a conserva√ß√£o do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial √† sadia qualidade de vida e sua sustentabilidade." Pol√≠tica Nacional de Educa√ß√£o Ambiental - Lei n¬ļ 9795/1999, Art 1¬ļ. ¬ďA Educa√ß√£o Ambiental √© uma dimens√£o da educa√ß√£o, √© atividade intencional da pr√°tica social, que deve imprimir ao desenvolvimento individual um car√°ter social em sua rela√ß√£o com a natureza e com os outros seres humanos, visando potencializar essa atividade humana com a finalidade de torn√°-la plena de pr√°tica social e de √©tica ambiental.¬Ē Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educa√ß√£o Ambiental, Art. 2¬į. ¬ďA educa√ß√£o ambiental √© a a√ß√£o educativa permanente pela qual a comunidade educativa tem a tomada de consci√™ncia de sua realidade global, do tipo de rela√ß√Ķes que os homens estabelecem entre si e com a natureza, dos problemas derivados de ditas rela√ß√Ķes e suas causas profundas. Ela desenvolve, mediante uma pr√°tica que vincula o educando com a comunidade, valores e atitudes que promovem um comportamento dirigido a transforma√ß√£o superadora dessa realidade, tanto em seus aspectos naturais como sociais, desenvolvendo no educando as habilidades e atitudes necess√°rias para dita transforma√ß√£o.¬Ē Confer√™ncia Sub-regional de Educa√ß√£o Ambiental para a Educa√ß√£o Secund√°ria ¬Ė Chosica/Peru (1976) ¬ďA educa√ß√£o ambiental √© um processo de reconhecimento de valores e clarifica√ß√Ķes de conceitos, objetivando o desenvolvimento das habilidades e modificando as atitudes em rela√ß√£o ao meio, para entender e apreciar as inter-rela√ß√Ķes entre os seres humanos, suas culturas e seus meios biof√≠sicos. A educa√ß√£o ambiental tamb√©m est√° relacionada com a pr√°tica das tomadas de decis√Ķes e a √©tica que conduzem para a melhora da qualidade de vida¬Ē Confer√™ncia Intergovernamental de Tbilisi (1977) ¬ďA Educa√ß√£o Ambiental deve proporcionar as condi√ß√Ķes para o desenvolvimento das capacidades necess√°rias; para que grupos sociais, em diferentes contextos socioambientais do pa√≠s, intervenham, de modo qualificado tanto na gest√£o do uso dos recursos ambientais quanto na concep√ß√£o e aplica√ß√£o de decis√Ķes que afetam a qualidade do ambiente, seja f√≠sico-natural ou constru√≠do, ou seja, educa√ß√£o ambiental como instrumento de participa√ß√£o e controle social na gest√£o ambiental p√ļblica.¬Ē QUINTAS, J. S., Salto para o Futuro, 2008 ¬ďA Educa√ß√£o Ambiental nasce como um processo educativo que conduz a um saber ambiental materializado nos valore s√©ticos e nas regras pol√≠ticas de conv√≠vio social e de mercado, que implica a quest√£o distributiva entre benef√≠cios e preju√≠zos da apropria√ß√£o e do uso da natureza. Ela deve, portanto, ser direcionada para a cidadania ativa considerando seu sentido de pertencimento e co-responsabilidade que, por meio da a√ß√£o coletiva e organizada, busca a compreens√£o e a supera√ß√£o das causas estruturais e conjunturais dos problemas ambientais.¬Ē¬† SORRENTINO et all, Educa√ß√£o ambiental como pol√≠tica p√ļblica, 2005 ¬ďA Educa√ß√£o Ambiental, apoiada em uma teoria cr√≠tica que exponha com vigor as contradi√ß√Ķes que est√£o na raiz do modo de produ√ß√£o capitalista, deve incentivar a participa√ß√£o social na forma de uma a√ß√£o pol√≠tica. Como tal, ela deve ser aberta ao di√°logo e ao embate, visando √† explicita√ß√£o das contradi√ß√Ķes te√≥rico-pr√°ticas subjacentes a projetos societ√°rios que est√£o permanentemente em disputa.¬Ē¬† TREIN, E., Salto para o Futuro, 2008 ¬ďA EA deve se configurar como uma luta pol√≠tica, compreendida em seu n√≠vel mais poderoso de transforma√ß√£o: aquela que se revela em uma disputa de posi√ß√Ķes e proposi√ß√Ķes sobre o destino das sociedades, dos territ√≥rios e das desterritorializa√ß√Ķes; que acredita que mais do que conhecimento t√©cnico-cient√≠fico, o saber popular igualmente consegue proporcionar caminhos de participa√ß√£o para a sustentabilidade atrav√©s da transi√ß√£o democr√°tica¬Ē.¬† SATO, M. et all, Insurg√™ncia do grupo-pesquisador na educa√ß√£o ambiental sociopoi√©tica, 2005 ¬ďUm processo educativo eminentemente pol√≠tico, que visa ao desenvolvimento nos educandos de uma consci√™ncia cr√≠tica acerca das institui√ß√Ķes, atores e fatores sociais geradores de riscos e respectivos conflitos socioambientais. Busca uma estrat√©gia pedag√≥gica do enfrentamento de tais conflitos a partir de meios coletivos de exerc√≠cio da cidadania, pautados na cria√ß√£o de demandas por pol√≠ticas p√ļblicas participativas conforme requer a gest√£o ambiental democr√°tica.¬Ē¬† LAYRARGUES; P.P. Crise ambiental e suas implica√ß√Ķes na educa√ß√£o, 2002. "Processo em que se busca despertar a preocupa√ß√£o individual e coletiva para a quest√£o ambiental, garantindo o acesso √† informa√ß√£o em linguagem adequada, contribuindo para o desenvolvimento de uma consci√™ncia cr√≠tica e estimulando o enfrentamento das quest√Ķes ambientais e sociais. Desenvolve-se num contexto de complexidade, procurando trabalhar n√£o apenas a mudan√ßa cultural, mas tamb√©m a transforma√ß√£o social, assumindo a crise ambiental como uma quest√£o √©tica e pol√≠tica." MOUSINHO, P. Gloss√°rio. In: Trigueiro, A. (Coord.) Meio ambiente no s√©culo 21.Rio de Janeiro: Sextante. 2003.
[0]

Quem é de Minas tem de conhecer as belezas das Minas Gerais

Estar em Diamantina √© voltar no tempo. Declarada Patrim√īnio cultural da Humanidade pela Unesco, o Centro Hist√≥rico da cidade se desenvolveu por ser uma regi√£o muito rica em ouro e diamantes. Suas ruas e becos √≠ngremes d√£o um ar de romantismo a cidade, que ficou conhecida como a "cidade das serenatas".

Possui, entre os paralelep√≠pedos que decoram toda a cidade, um patrim√īnio arquitet√īnico bastante preservado. As festas religiosas - Festa do Divino e Nossa Senhora do Ros√°rio - tamb√©m s√£o atra√ß√Ķes bastante procuradas.

Atra√ß√Ķes, Artesanato, Gastronomia e Informa√ß√Ķes

Atra√ß√Ķes

Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos Igreja mais antiga de Diamantina, construída por escravos em 1731 para ser a sede da Irmandade dos Pretos. A fachada é em estilo rococó. Praça Dom Joaquim. Terça a sábado, 8h às 12h e 14h às 18h; domingo e feriados, 9h às 12h.

Igreja de São Francisco de Assis Em estilo rococó, com pinturas no forro e talhas adornadas a ouro, foi erguida entre 1766 e 1772. Rua São Francisco de Assis. (interior em reforma, sem previsão de abertura à visitação).

Passadi√ßo Casa da Gl√≥ria O passadi√ßo suspenso que liga os dois casar√Ķes, um de cada lado da rua, √© um dos cart√Ķes-postais da cidade. A passarela foi constru√≠da por volta de 1890 para que freiras e internas do col√©gio vicentino pudessem atravessar a rua protegidas dos olhares alheios. Hoje funciona no local o Instituto de Geologia Eschwege. Rua da Gl√≥ria, 298. Segunda a sexta, 9h √†s 12h e 13h √†s 18h.

Casa de Chica da Silva A imponência da casa mostra o poder alcançado pela ex-escrava que seduziu o homem mais rico da Diamantina colonial, o contratador de diamantes João Fernandes de Oliveira. As janelas têm treliças de madeira que, segundo a lenda, permitiam que Chica da Silva enxergasse a rua sem ser percebida. Praça Lobo de Mesquita, 266. Horário de Funcionamento: Terça a Sábado, das 12h às 17h30; Domingo, das 9h às 12h.

Museu da Mem√≥ria do P√£o de Santo Ant√īnio Instalado dentro do Asilo do P√£o de Santo Ant√īnio, √© um museu da imprensa, onde est√£o expostos antigos equipamentos gr√°ficos utilizados para a impress√£o do jornal da cidade, entre outros objetos.

Igreja Nossa Senhora do Carmo Conclu√≠da em 1765, √© a igreja mais rica da cidade, com talha ornada a ouro, pinturas no forro e um √≥rg√£o antigo. Teve sua constru√ß√£o financiada por Jo√£o Fernandes de Oliveira, o homem que vivia com a ex-escrava Chica da Silva. A torre fica nos fundos, n√£o na frente do templo, como era usual (diz o folclore local que tal mudan√ßa foi motivada por uma exig√™ncia de Chica da Silva, que n√£o queria ter seu sono perturbado pelo badalar dos sinos). Rua do Carmo, s/ n¬į. Ter√ßa a s√°bado, 8h √†s 12h e 14h √†s 18h; domingo, 8h √†s 12h.

Artesanato

Um dos produtos mais difundidos do artesanato de Diamantina s√£o os tapetes arraiolos, vendidos na Cooperativa Artesanal da cidade. J√≥ias e bonecos de palha tamb√©m se destacam. Na cidade podem ser encontradas, ainda, as famosas cer√Ęmicas do Vale do Jequitinhonha.  

Gastronomia

A gastronomia de Diamantina √© tipicamente mineira, com direito a forno √† lenha em alguns restaurantes da cidade. O destaque vai para o tutu de feij√£o, o frango com quiabo, o angu, o arroz e a couve mineira, e o feij√£o tropeiro. Como n√£o poderia deixar de faltar, cacha√ßa mineira tamb√©m entra no card√°pio, para os que apreciam degustar aguardente para abrir o apetite.  

Informa√ß√Ķes

Secretaria de Turismo
(38) 3531-9527
www.diamantina.mg.gov.br
Central de Turismo
(38) 3531-8060
(38) 3531-9532
Clima:
A cidade est√° situada a uma altitude de 1.280 m, na regi√£o do Alto Rio Jequitinhonha. Possui um clima ameno e esta√ß√Ķes bastante definidas.
Acessos:
Por via rodovi√°ria:
De Belo Horizonte: BRs 040, 135 e 259.
De S√£o Paulo: BRs 381, 040, 135 e 259.
Por via aérea:
A cidade tem um aeroporto regional, que recebe v√īos regulares a partir de Belo Horizonte √†s sextas- feiras e aos domingos.
Dist√Ęncias de Diamantina:
Belo Horizonte: 285 km
S√£o Paulo: 868 km
Melhores √Čpocas
As esta√ß√Ķes n√£o s√£o muito regulares no Vale dos Jequitinhonha, onde est√° localizada Diamantina. Os ver√Ķes s√£o mais chuvosos, notadamente Janeiro, portanto √© preciso verificar a previs√£o antes de acessar as estradas de terra. Por causa das chuvas freq√ľentes, as vesperatas n√£o acontecem entre Novembro e Fevereiro. O calor √© intenso nesta √©poca do ano. No inverno n√£o chega a fazer muito frio. O c√©u fica mais limpo e bonito, √≥timo para belas fotografias. Geralmente as noites s√£o bem agrad√°veis.
[15]

BRAS PIRES MG tspan:3m BRAS PIRES MG

E o cadastramento escolar deste ano?

O cadastro escolar é realizado anualmente pela Secretaria de Estado de Educação (SEE), em conjunto com as prefeituras municipais. Devem se inscrever crianças com seis anos completos ou a completar até 30 de junho do ano em que vão começar a estudar, candidatos às vagas nos demais anos do ensino fundamental que estão se transferindo de outros Estados, municípios ou escolas particulares e, ainda, alunos que vão retomar seus estudos.

Em 2014, a inscrição para o Cadastro Escolar será realizada no período de 21/07/2014 a 25/07/2014, nas agências dos Correios em Belo Horizonte e nos Postos de Inscrição definidos pela Comissão Municipal de Cadastramento, nas cidades do interior. Os documentos necessários ao cadastramento estão listados abaixo. Os alunos já matriculados no ensino fundamental de escolas públicas não precisam se cadastrar.

Documentos necessários: Certidão de nascimento (original e cópia); Conta de luz recente (original e cópia); Comprovante de escolaridade, em caso de transferência para a rede pública ou retorno aos estudos. Valor: Gratuito


Já pensou em fazer carreira militar?

As Forças Armadas Brasileiras não são compostas apenas por militares originários do serviço militar obrigatório. É possível ingressar no Exército, Marinha ou Aeronáutica e seguir carreira nos níveis escolares fundamental, médio ou superior e em diversas áreas de atuação, como medicina, comunicação e engenharia, entre outras.

Cada uma das Forças Armadas possui peculiaridades no processo de seleção, porém, homens e mulheres têm a possibilidade de ingressar no serviço militar a partir da adolescência, mediante aprovação em concurso público, de âmbito nacional, em alguma das Escolas de Formação específicas de cada Força.

A situação do jovem que presta o serviço militar obrigatório, cumprindo o que determina a Lei do Serviço Militar, é diferente da situação do jovem que se inscreve para prestar concurso para uma das Escolas da Força. O primeiro, por força da lei, permanece em alguma das Forças Armadas por um período temporário de no máximo oito anos, diferentemente do jovem aprovado em concurso, que poderá seguir a carreira das Armas e permanecerá na Força até passar para a Reserva Remunerada (uma espécie de aposentadoria militar).



*noticiasdeminas.net - todos os direitos reservados.