Blog de Notícias de AIMORES








Bandidos arrombam açougue e furtam balanças e caixa registradora em BH

Um açougue foi invadido por criminosos na madrugada desta terça-feira (17) no bairro Funcionários, região centro-sul de Belo Horizonte. Conforme a PM (Polícia Militar), os bandidos teriam entrado no estabelecimento, localizado na esquina das ruas ...

Fotógrafo Sebastião Salgado é tema do filme O Sal da Terra

Sebastião fala e o que o espectador ouve não é um fotógrafo discorrendo sobre técnica. O brasileiro nascido em Aimorés (MG), em 1944, mergulha nas imagens feitas no periodo de seus 40 anos de carreira e fala de vivência, aprendizados e impressões no periodo de ...

CONVITE: A IASD CENTRAL DE AIMORÉS (MG), PROGRAMA ESPECIAL COM LEONARDO BERNARDES

A Igreja Adventista do Sétimo Dia (Central de Aimorés – MG), estará realizando uma programação super especial com   “LEONARDO BERNARDES ” . Convida a todos a participarem de Adoração e Louvor ao nosso…

Fotógrafo de alma

Sebastião Salgado tem 40 anos de carreira. Nasceu em Aimorés, Minas Gerais, formou-se em Economia e, à época da ditadura militar no Brasil, em 1969, foi buscar asilo político em Paris, junto com sua mulher, Lélia Wanick Salgado. Foi das mãos dela ...

Palestra Nutrição Estética

"No dia 28/03 (sábado) pela manhã realizaremos a palestra “Nutriç&atil de;o Estética Vegetariana: nutrientes e princípios ativos para uma pela saudável”, ministrada pela nutricionista e coordeandora da SVB Gr…

Estreia: Documentário 'O sal da terra' ilustra trajetória de Sebastião Salgado

Nascido em Aimorés (MG), em 1944, único filho homem entre sete irmãs, Salgado formou-se economista por pressão do pai, como ele chamado Sebastião, um fazendeiro e criador de gado. Uma bolsa de estudos o levou, junto com a esposa Lélia, a Paris ...

LOTECA 643=Resultados de sábado, previsões do 'PROFETA' confiram....

Bom dia/Boa tarde/Boa noite. Sejam todos bem vindos ao blog mais FEMININO DO PLANETA...OPSSSS J.P FEMININO??? RSRS LOGICO GALERA-Aqui quem manda são elas, basta ver quem dá as cartas no Exterminador= …

Últimas notícias de AIMORES MG:


Estreia: Documentário 'O sal da terra' ilustra trajetória de Sebastião Salgado Nascido em Aimorés (MG), em 1944, único filho homem entre sete irmãs, Salgado formou-se economista por pressão do pai, como ele chamado Sebastião, um fazendeiro e criador de gado. Uma bolsa de estudos o levou, junto com a esposa Lélia, a Paris ...

‘O sal da Terra’ estreia no Brasil após ser premiado na França e concorrer ao Oscar Foi dela a ideia de replantar a Mata Atlântica na fazenda que foi do pai de Sebastião, em Aimorés (MG). No documentário, as imagens da região de antes e de depois do projeto impressionam. Mais de dois milhões de árvores foram plantadas numa área ...

AIMORES MG tspan:3m AIMORES MG


No retorno de D'Alessandro, Internacional conquista vitória magra diante do Avenida No jogo que marcou o retorno de D’Alessandro, três semanas após o argentino sofrer uma lesão muscular na coxa, o Internacional voltou a vencer no Gauchão. Com um gol de Juan, o Colorado bateu o Avenida por 1 a 0, no Beira-Rio, em partida na qual ...

‘Matamos os nossos rios e as nossas florestas, e não há partido político que vá resolver isso sozinho’ Muito além de um discurso afinado, o fotógrafo de 71 anos desde 1998, junto de sua esposa Léila Wanick, mantém o Instituto Terra que é responsável pelo plantio de mais de 2 milhões de árvores em Aimorés, no interior de Minas Gerais. De acordo com ...

Juliano Salgado fala sobre o documentário O Sal da Terra Fizemos uma ótima parceria. É um imenso orgulho mostrar o documentário no Brasil, especialmente em Minas, que é a terra de meu pai. Isso é muito relevante pra mim, faz eu me sentir muito bem. No filme, a gente fala do mundo, mas tudo começa em ...

"O Sal da Terra" abre a 4ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental Hoje com 71 anos de idade, ele nasceu e cresceu no campo, em Aimorés (MG). Único menino em meio a sete irmãs, estudou economia e trabalhou em câmaras de comércio, o que lhe rendeu os primeiras viagens ao exterior. Em 1969, o casal se mudou para a ...

Documentário sobre Sebastião Salgado abre festival de cinema ambiental Desde sua criação rural em Aimorés (MG), passando pela formação no curso de Economia pela Universidade de São Paulo, até a difícil decisão de deixar os escritórios para sair “clicando” realidades totalmente diferentes da sua. Juliano Ribeiro ...





Siga-nos e receba notícias e assuntos de interesse das cidades

Conhece alguém com ovário policístico em AIMORES?

A Síndrome do Ovário Policístico (SOP) é um distúrbio hormonal que provoca formação de cistos nos ovários, o que fazem com que eles aumentem de tamanho.

O problema atinge, principalmente, mulheres em idade reprodutiva e se caracteriza pela menstruação irregular, alta produção de testosterona (hormônio masculino) e presença de microcistos nos ovários.

Sua causa ainda não é totalmente esclarecida. A hipótese é que tenha uma origem genética e estudos indicam uma possível ligação entre a doença e a resistência à ação da insulina no organismo, gerando um aumento do hormônio na corrente sanguínea que provocaria o desequilíbrio hormonal.

O excesso de testosterona faz algumas portadoras da síndrome apresentarem características masculinas, como excesso de pelos, além de aparecimento de acne. Ainda na adolescência, a menstruação pouco frequente ou ausente pode ser sinal da doença.

A jovem Hailenny Souza, de 19 anos, começou a desconfiar quando apresentou alguns sinais do problema . “Tinha os sintomas desde que comecei a menstruar. Passava meses sem menstruar os médicos diziam que era normal, pois era muito nova e que com o tempo normalizaria o ciclo. Mas eu sempre desconfiei que tivesse algo errado. Eu era diferente das outras garotas, tinha muitos pelos pelo corpo e um grande apetite”, conta a estudante de enfermagem.

Mulheres com SOP geralmente apresentam infertilidade ou dificuldade para engravidar. A revisora Ana Paula Jumes, de 24 anos, passa por este problema. “Descobri ano passado a síndrome. Tenho excesso de peso, bastante pelo e acne. Por causa disso estou fazendo o tratamento no SUS. Quero muito engravidar, mas a SOP atrapalha bastante. Ainda tenho que me cuidar quando conseguir, pois tenho risco de aborto.”

O diagnóstico precoce ajudar a reduzir o risco de complicações. O tratamento para síndrome dos ovários policísticos geralmente trata os sintomas e complicações, tais como infertilidade, acne ou obesidade. Em casos mais graves, pode ser necessária uma cirurgia.

Caso a mulher sinta alguns destes sintomas, ela deve procurar um ginecologista para tratamento mais adequado. [21]




Doando sangue em AIMORES ???

Doar sangue é uma atitude que deve partir de qualquer cidadão que tenha consciência da importância de ajudar o próximo. Pacientes submetidos a transplante de órgãos, em terapia para o câncer ou portadores de muitas outras doenças dependem de transfusão de sangue para seu tratamento. O sangue também é essencial para a sobrevida de recém-nascidos prematuros e de pessoas que sofreram grandes acidentes.

Doar sangue é um procedimento simples, rápido, sigiloso e seguro. Ainda assim, é importante o estímulo à doação de sangue, por meio da promoção de campanhas para desvendar mitos e mostrar que uma atitude simples pode salvar muitas vidas.

Quando um cidadão doa sangue, ele tem direito a um dia de folga, no período de um ano, assegurado pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Além disso, as pessoas que exercem atividades de risco, como pilotar avião ou helicóptero, subir em andaimes e praticar paraquedismo ou mergulho, e motoristas de ônibus ou caminhões de grande porte devem interromper suas atividades por 12 horas após a doação.

Em 2011, a portaria 1.353 estabeleceu um novo Regulamento Técnico de Procedimentos Homoterápicos, com novas regras de doação. Entre as mais significativos estão a ampliação do universo de doadores (jovens de 16 a 17 anos e idosos com mais de 68 anos podem agora doar sangue) e a exclusão da orientação sexual como critério para a seleção de candidatos.

O doador deve:
• Levar o documento oficial de identidade com foto.
• Estar bem de saúde.
• Ter entre 18 e 67 anos. Podem ser aceitos doadores com idade de 16 e 17 anos, com consentimento formal do responsável legal. Candidatos menores de 16 anos ou com mais de 68 anos poderão doar desde que passem por análise de um médico do local de doação e que a necessidade do ato seja justificável.
• Pesar mais de 50kg. Inspaníduos com peso abaixo de 50kg podem ser aceitos, após avaliação médica.
• Não estar em jejum e evitar alimentos gordurosos nas 4 horas que antecedem a doação.

Impedimentos temporários
• Febre
• Gripe ou resfriado
• Gravidez
• Pessoas que adotaram comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis

Nunca poderá doar sangue quem...
• Tem ou teve um teste positivo para HIV.
• Teve hepatite após os 10 anos de idade.
• Já teve malária.
• Tem doença de Chagas.
• Recebeu enxerto de duramater.
• Teve algum tipo de câncer, incluindo leucemia.
• Tem graves problemas no pulmão, coração, rins ou fígado.
• Tem problema de coagulação de sangue.
• É diabético com complicações vasculares.
• Teve tuberculose extrapulmonar.
• Já teve elefantíase.
• Já teve hanseníase.
• Já teve Calazar (leishmaniose visceral).
• Já teve brucelose.
• Tem alguma doença que gere inimputabilidade jurídica.
• Foi submetido a gastrectomia total.
• Foi submetido a pneumectomia.
• Foi submetido a esplenectomia não decorrente de trauma.
• Se foi submetido a transplante de órgãos ou de medula óssea.

Intervalos para doação
• Homens: 60 dias (até quatro doações por ano)
• Mulheres: 90 dias (até três doações por ano)

Para saber mais sobre doação de sangue e se você pode ser doador, acesse o site do Inca ou o da Fundação Pró-Sangue.

Fontes:
Presidência da República
Instituto Nacional de Câncer
Fundação Pró-Sangue

[32]



Fotógrafo Sebastião Salgado é tema do filme O Sal da Terra


Sebastião fala e o que o espectador ouve não é um fotógrafo discorrendo sobre técnica. O brasileiro nascido em Aimorés (MG), em 1944, mergulha nas imagens feitas no periodo de seus 40 anos de carreira e fala de vivência, aprendizados e impressões no periodo de ...



Fotógrafo de alma


Sebastião Salgado tem 40 anos de carreira. Nasceu em Aimorés, Minas Gerais, formou-se em Economia e, à época da ditadura militar no Brasil, em 1969, foi buscar asilo político em Paris, junto com sua mulher, Lélia Wanick Salgado. Foi das mãos dela ...
Estreia: Documentário 'O sal da terra' ilustra trajetória de Sebastião Salgado Nascido em Aimorés (MG), em 1944, único filho homem entre sete irmãs, Salgado formou-se economista por pressão do pai, como ele chamado Sebastião, um fazendeiro e criador de gado. Uma bolsa de estudos o levou, junto com a esposa Lélia, a Paris ...
‘O sal da Terra’ estreia no Brasil após ser premiado na França e concorrer ao Oscar Foi dela a ideia de replantar a Mata Atlântica na fazenda que foi do pai de Sebastião, em Aimorés (MG). No documentário, as imagens da região de antes e de depois do projeto impressionam. Mais de dois milhões de árvores foram plantadas numa área ...
No retorno de D'Alessandro, Internacional conquista vitória magra diante do Avenida No jogo que marcou o retorno de D’Alessandro, três semanas após o argentino sofrer uma lesão muscular na coxa, o Internacional voltou a vencer no Gauchão. Com um gol de Juan, o Colorado bateu o Avenida por 1 a 0, no Beira-Rio, em partida na qual ...
‘Matamos os nossos rios e as nossas florestas, e não há partido político que vá resolver isso sozinho’ Muito além de um discurso afinado, o fotógrafo de 71 anos desde 1998, junto de sua esposa Léila Wanick, mantém o Instituto Terra que é responsável pelo plantio de mais de 2 milhões de árvores em Aimorés, no interior de Minas Gerais. De acordo com ...

Trabalho em AIMORES. Como fica o meu plano de saúde se for demitido?

Permanecer com o plano de saúde oferecido pela empresa após ser demitido, ainda que tenha que pagar por ele, pode representar um benefício significativo, principalmente considerando o fato de que firmar um contrato de plano de saúde individual tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Muitas operadoras colocam empecilhos para quem procura um plano apenas para si.

O artigo 30 da lei número 9656/98, que rege o assunto, prevê que no caso de rescisão ou exoneração do contrato de trabalho sem justa causa, “é assegurado o direito de manter sua condição de beneficiário, nas mesmas condições de cobertura assistencial de que gozava quando da vigência do contrato de trabalho, desde que assuma seu pagamento integral”, diz um trecho da lei.

Mas, para que o ex-funcionário possa manter este benefício, ele precisa ter contribuído, total ou parcialmente, com o plano de saúde empresarial, explica a advogada Camila de Oliveira Santos, do escritório Maluf e Moreno Advogados Associados. “O empregado deve informar o interesse de permanecer com o plano, no prazo máximo de 30 dias após a formalização da dispensa”, diz Camila. E cabe à empregadora comunicar ao trabalhador a existência dessa possibilidade.

Em relação ao período de permanência após a rescisão do contrato, a lei obriga as empresas a manter os ex-funcionários por um prazo de até dois anos. O tempo de permanência previsto na legislação é equivalente a um terço do período que o funcionário permaneceu na organização. “Entretanto, existe um prazo mínimo (que é de seis meses) e máximo (24 meses) de permanência”, sinaliza Camila. Logo, mesmo o trabalhador que tiver ficado pouco tempo na organização terá direito a no mínimo meio ano de cobertura. Contudo, o benefício cessa caso o trabalhador obtenha novo emprego que lhe forneça outro plano de saúde.

Camila explica ainda que a lei também se aplica a quem se aposenta. Nesses casos, quem possui um plano de saúde por um período igual ou superior a dez anos tem direito a permanecer com o benefício nos mesmos moldes por prazo indeterminado, desde que assuma o pagamento integral do plano. Já quem está no plano há menos de dez anos pode estender o benefício pelo prazo equivalente ao que permaneceu nele.

Impactos para as empresas

Ainda que as organizações não sejam obrigadas a custear qualquer valor para o ex-funcionário que escolhe a extensão do benefício, , essa opção pode ter reflexos no valor do contrato que as empresas mantêm com as operadoras de planos de saúde empresarial. Isso porque esses contratos, geralmente, possuem cláusula de sinistralidade, ou seja, o contrato prevê uma margem de utilização. “Por mais que o ex-funcionário passe a pagar pelo plano, ele continua a integrar a apólice da empresa, o que pode contribuir para que a margem de utilização seja ultrapassada”, explica Camila. Segundo ela, no momento de renovar o contrato, as operadoras costumam reajustar o valor em até 100% por causa da cota excedida.

A desvantagem iminente tem feito algumas empresas estudarem formas de efetuar mudanças nos desenhos de seus planos, a fim de evitar a obrigatoriedade de estendê-los para seus ex-empregados. É o que mostra um estudo feito pela consultoria Watson Wyatt, com cerca de 170 empresas de diferentes portes e segmentos.

Segundo a pesquisa, mais de 60% das empresas estão condicionadas à lei. Desse total, 13% afirmam já ter tomado providências para não precisarem mais beneficiar quem não integra seu quadro. Elas alegam que o custo criado pelos inativos não é corretamente avaliado para fins contábeis, especialmente quando ele está na mesma apólice dos ativos, o que ocorre em 76% dos casos.

Além dos impactos na sinistralidade do contrato, essa situação pode implicar em subsídio indireto da empresa e dos empregados ativos, uma vez que a tendência é que os participantes de idade mais avançada criem despesas mais elevadas. Dentre as pesquisadas, 29% já precisaram assumir parte dos custos do plano médico dos inativos e pelo menos 5% sofreram ações judiciais por conta dos valores cobrados, uma vez que estes números costumam ser superiores aos debitados do trabalhador enquanto estava na empresa.

Fonte: www.canalrh.com.br - Por: Leandro Fernandes

www.senado.gov.br/senado/portaldoservidor/jornal/jornal92/economia_plano_saude.aspx [0]


Um serviço para ajudar os que sofrem com as drogas em AIMORES?

O serviço de teleatendimento do Ligue 132, que presta auxílio a familiares e usuários de drogas, teve aumento de 13% das ligações relacionadas à cocaína e derivados, como o crack, em 2014. Das 26.051 ligações atendidas no call center de janeiro a novembro de 2014, 12.189 foram relacionadas a cocaína e crack, o que representa 46% dos atendimentos realizados no ano. Em 2013, esse volume foi de 33%.

Esta é a maior busca de informação sobre uma substância já registrada no serviço, que está em atividade desde 2005. De acordo com a supervisora do Ligue 132, Bárbara Diniz, esse aumento pode ser em função da expressiva divulgação referente aos problemas do uso de cocaína e derivados na mídia. “Muitos ligam pedindo informações a respeito das consequências do uso e aproveitam para aumentar a rede de apoio em busca de tratamento. Às vezes o indivíduo é orientado a também buscar auxílio profissional para outras comorbidades apresentadas, como depressão, ansiedade e entre outros.”

Para atender a esses casos específicos, o Ligue 132 desenvolveu uma metodologia própria, com apoio aos indivíduos tornando cada atendimento único. De acordo com a coordenadora de pesquisa do Ligue 132, Maristela Ferigolo, quem procurar orientações pelo Ligue 132 poderá encontrar atendimento personalizado. “Com profissionais capacitados, o serviço se preocupa em ouvir tanto o usuário quanto o familiar e presta aconselhamento personalizado por meio da intervenção breve motivacional estimulando-os a refletir e mudar seu comportamento-problema.”

Para a coordenadora do programa, Helena Maria Tannhauser Barros, “o aumento na busca de orientações e informações sobre cocaína e crack não significa que houve aumento no uso e, sim, que usuários de drogas e familiares estão mais conscientizados quanto aos problemas do uso de cocaína e quanto a possibilidade de obter auxílio para a mudança de comportamento”,

Os estados que mais buscaram informações e orientações sobre cocaína foram São Paulo, com 2.056 atendimentos, Rio de Janeiro, com 1.028, e Rio Grande do Sul, com 993. Os usuários de drogas foram quem mais buscaram ajuda no Ligue 132, sendo responsáveis por 47% dos atendimentos referentes à cocaína. Os familiares também tiveram uma fatia considerável com 44% dos atendimentos.

Saiba mais sobre o Ligue 132

O Ligue 132 é um serviço do programa “Crack, é possível vencer”, financiado pelo Governo Federal, que tem como objetivo prevenir o uso de drogas no país, atendendo a casos de álcool, tabaco, cocaína, maconha e entre outras substâncias. É uma parceria com a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e AMTEPA. O serviço atende de forma sigilosa e anônima 24 horas por dia, incluindo feriados e finais de semana. [24]



*blogsbrasil.com - todos os direitos reservados. Selecionamos as principais notícias da cidade de AIMORES MG. Os acontecimentos políticos, acidentes de trânsito nas rodovias, fatos do centro, dos bairros e do interior. Pesquisamos também os jornais locais e as redes sociais, bem como o site da prefeitura. O trabalho jornalístico consiste em captação e tratamento escrito, oral, visual ou gráfico, da informação em qualquer uma de suas formas e variedades. O trabalho é normalmente dividido em quatro etapas distintas, cada qual com suas funções e particularidades: pauta, apuração, redação e edição.A pauta é a seleção dos assuntos que serão abordados. É a etapa de escolha sobre quais indícios ou sugestões devem ser considerados para a publicação final. A apuração é o processo de averiguar informação em estado bruto (dados, nomes, números etc.). A apuração é feita com documentos e pessoas que fornecem informações, chamadas de fontes. A interação de jornalistas com suas fontes envolve freqüentemente questões de confidencialidade.A redação é o tratamento das informações apuradas em forma de texto verbal. Pode resultar num texto para ser impresso (em jornais, revistas e sites) ou lido em voz alta (no rádio, na TV e no cinema). A edição é a finalização do material redigido em produto de comunicação, hierarquizando e coordenando o conteúdo de informações na forma final em que será apresentado. Muitas vezes, é a edição que confere sentido geral às informações coletadas nas etapas anteriores. No jornalismo impresso (jornais e revistas), a edição consiste em revisar e cortar textos de acordo com o espaço de impressão pré-definido. A diagramação é a disposição gráfica do conteúdo e faz parte da edição de impressos. No radiojornalismo, editar significa cortar e justapor trechos sonoros junto a textos de locução, o que no telejornalismo ganha o adicional da edição de imagens em movimento. Tags: Últimas Notícias, AIMORES MG, Cidade, Interior, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo, Carro, Eleições, Crime, Estrada, Rodovia, Acesso, Greve, Eleições, Festa, Granizo, Chuva, Enchente,Aniversário, Prêmio, Mês, Fim de Semana, Hoje, Ontem, Anteontem, Hora, Pouco Tempo, Agora, Mulher, Homem, Família, Criança, Portal,Pessoas, Como saber, Site, Blog, Diário,Protesto,Inauguração, Cassação, Cassado, Show, Apresentação, Espetáculo, Fotos, Vídeos, Imagens, Previsão, Caminhão, Vítimas, Situação, Oposição, Eleições, Enquete, Votos, Apuração, Trânsito, Operação, PF, Delegacia, Praia, Localidade, Animais, Ver Fotos, NEWS LATEST LOCAL NEWSPAPPER.